O verão pede aumento no cuidado com a irrigação e corte do jardim

O sol é fundamental para o desenvolvimento de plantas, jardins e gramados, além de ser uma fonte essencial de energia. No entanto, o alto índice de calor gerado nesses dias cada vez mais quentes de verão podem comprometer o desenvolvimento das plantas, exigindo maior cuidado e atenção com a manutenção e irrigação.

 

Ferramentas para podar as plantas:

 

Tesoura de cerca-viva/grama é ideal para o desbaste e acabamento (Divulgação/Tramontina)

 

A poda dos ramos das plantas, quando feita na época adequada e da maneira correta, estimula o crescimento.Também é fundamental escolher as ferramentas corretas para cada tipo de planta. Para podar cerca-vivas e arbustos com precisão e obter um bom acabamento, a Tramontina lançou um novo modelo de tesoura. O lançamento vem com cabo de madeira envernizado, que oferece conforto e ergonomia, além da lâmina em aço carbono especial temperado, que dá resistência e durabilidade ao produto.

 

Além do uso em cercas-vivas e arbustos, pode ser usada para o acabamento dos detalhes no gramado e do jardim, deixando-o mais bonito e regular. Possibilita cortar vários ramos ao mesmo tempo, sendo a ferramenta de poda ideal para formar cercas-vivas.

 

Para acertar na poda nos dias de calor intenso, a agrônoma paisagista Helena Schanzer, parceira da Tramontina quando o assunto é jardinagem, compartilhou algumas dicas:

 

  • Cuide das ferramentas mantendo-as limpas, lubrificadas, com os parafusos ajustados.

  • Guarde as ferramentas em local seco e bem ventilado. Ferramentas manuais menores podem ser armazenadas em caixas plásticas, com tampas.

  • Cada ferramenta de poda é apropriada para um tipo de galho. Não utilize tesouras em ramos lenhosos e grossos, pois estes devem ser podados com serrote.

 

Irrigação com aspersores:

 

Para irrigar as plantas é necessário utilizar produtos específicos desenvolvidos para cada tipo de planta e situação. A Tramontina oferece diversos modelos de aspersores, cada um com características diferentes. Os aspersores são práticos e extremamente funcionais, pois são responsáveis por transformar o volume de água em pequenas gotas que molham o solo suavemente, simulando uma chuva sobre a área.

 

Os aspersores circulares, de engate rápido são uma opção simples e bastante prática para quem deseja facilitar a irrigação, basta conectá-los em mangueiras com engate de 1/2″, 3/4″ ou 5/8″. Com o ajuste de pressão, possibilita um jato d’água de até 12 m, cobrindo uma área de 113 m².

 

Aspersor circular para engate rápido (Divulgação/Tramontina)

Para espaços maiores, que exigem alcance ainda maior, o aspersor de impulso setorial é a indicação. Isso porque ele possui um ângulo de trabalho de 360º, com área de cobertura de até 688 m², ou diâmetro de alcance do jato d’água de até 29,6 m, a uma pressão de 4 bar.

Aspersor de impulso para engate rápido (Divulgação/Tramontina)

O aspersor circular também é eficiente para jardins e hortas, atingindo uma área de até 300 m² ou diâmetro de alcance do jato d’água de até 19,6 m.. Como possui base de apoio, tem mais estabilidade, independente da superfície onde for posicionado.

Aspersor Circular para engate rápido com base de apoio e pontalete (Divulgação/Tramontina)

O aspersor oscilante é uma boa alternativa para quem precisa direcionar o jato de água em apenas uma direção, pois ele pode ser ajustado em até 180º. Possui 20 jatos d’água, com área de cobertura de até 380 m² ou diâmetro de alcance do jato d’água de até 22 m.

Aspersor Oscilante para engate rápido com base de apoio e pontalete (Divulgação/Tramontina)

O aspersor ideal deve ser escolhido conforme o tamanho da área a ser irrigada, especialmente se tiver gramado e o jardim for grande. “Irrigar com aspersor é economizar tempo, porque ao invés de ficar com a mangueira de jardim molhando, o aspersor faz o trabalho para você”, avalia Helena.

Para os dias de calor intenso, a dica da agrônoma paisagista é irrigar nos horários em que o sol está mais suave. De manhã cedo e no final do dia são os horários ideais, em razão da menor evaporação da água. Assim, é possível manter o jardim bonito e saudável mesmo no calor do verão.

O verão pede aumento no cuidado com a irrigação e corte do jardim



VEJA MAIS SOBRE Notícias


Viva a tecnologia! Novo sistema de iluminação vai reduzir em 68% os gastos de energia do Cristo Redentor

No último dia 17, o Cristo Redentor recebeu um novo sistema de iluminação, mais moderno e econômico. A nova iluminação, patrocinada pela empresa de energia Enel, faz parte de uma série de homenagens e benfeitorias que vêm celebrando os 90 anos do monumento desde o ano passado. O número de refletores foi reduzido de 280 […]

Leia mais

Ralph Lauren homenageia universidades negras

Em uma parceria inédita com duas faculdades historicamente negras, Morehouse e Spelman, a Ralph Lauren lança uma coleção de edição limitada inspirada em ambas as instituições, bem como uma doação para um fundo de bolsas HBCU (faculdades e universidades historicamente negras). Inspirando-se nas roupas de campus dos anos 1920 e 1950 em ambas as HBCUs, […]

Leia mais

Lewis Hamilton terá um documentário para chamar de seu

Lewis Hamilton irá ganhar um documentário.  A Apple TV+ anunciou que assinou um contrato com o britânico para produzir uma série sobre a carreira do sete vezes campeão mundial da Fórmula 1. O projeto, que ainda não tem nome, será dirigido pelo britânico Matt Kay, que assina o curta “Ela luta Sumô”, de 2018, e […]

Leia mais

Como escolher o melhor vibrador para você

Escolher o melhor vibrador para você pode ser uma tarefa árdua. Embaraçoso, até. Não que deveria ser. Usar brinquedos sexuais em geral é uma maneira infalível de elevar sua rotina de autocuidado , levando o sexo em parceria e a masturbação a novos patamares, reforçando os benefícios do orgasmo. Deve ser empoderador, divertido e estimulante […]

Leia mais

Só não gosta de ler quem ainda não encontrou o livro certo

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Pró-Livro revelou que o brasileiro lê em média 4,96 livros por ano. Pode parecer bastante, mas os franceses, por exemplo, chegam a ler mais de 20 obras no mesmo período. O que explica então o desinteresse pela leitura, especialmente entre os mais jovens, no nosso país? Acredito que estas estatísticas […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *